Prisão preventiva para 6 dos 11 detidos da rede de tráfico de droga que operava em Santarém, Évora e Portalegre

Prisão preventiva para 6 dos 11 detidos da rede de tráfico de droga que operava em Santarém, Évora e Portalegre

2 de Dezembro, 2019 Não Por João Dinis

O Tribunal Judicial de Évora, aplicou a medida de prisão preventiva a 6 dos 11 detidos pela Guarda Nacional Republicana, na operação que a Guarda Nacional Republicana (GNR) através do Núcleo de Investigação Criminal de Estremoz, levou a efeito no passado dia 28 de Novembro, por sobre eles caírem suspeitas de serem responsáveis por uma rede de tráfico de droga, que operava nos distritos de Santarém, Évora e Portalegre.

Os outros 5 detidos vão ficar obrigados a apresentações periódicas no posto policial da sua área de residência. 
Os detidos, saliente-se, tem entre os 25 e os 65 anos de idade, sendo que quatro deles são do sexo feminino.

Estas detenções surgiram na sequência  de uma investigação, que decorreu desde Julho de 2018, por tráfico de estupefacientes, dando os militares cumprimento a 17 mandados de busca, das quais dez domiciliárias e sete em veículos, tendo sido apreendido diverso produto estupefaciente, nomeadamente, 40 doses de liamba, 33 doses de haxixe, 19 doses de cocaína, 3 armas de fogo, 3514 euros em numerário, 20 telemóveis, 5 viaturas, 14 peças em ouro, 3 televisores lcd e 1 aerosol de defesa.