Regresso às aulas com máscaras, desinfecção e muita descontracção (Com Fotos)

Regresso às aulas com máscaras, desinfecção e muita descontracção (Com Fotos)

18 de Maio, 2020 Não Por João Dinis

Os alunos dos 11º e 12º ano regressaram esta segunda-feira, 18 de Maio, à Escola Secundária de Coruche, onde uma aluna de 13 anos, foi um dos primeiros casos positivos de covid-19, entre jovens em Portugal, mas ainda assim foi muita a tranquilidade e a descontracção entre os alunos que retomaram as actividades lectivas presenciais.

Com a larga maioria dos alunos a chegar à escola de carro, com os pais ou acompanhados por colegas, os alunos eram recebidos por auxiliares da escola, que devidamente equipados, faziam a desinfecção das mãos, fornecendo depois aos alunos que não traziam já, uma máscara, que terão que utilizar obrigatoriamente no espaço escolar.

A entrada na escola é acompanhada depois por auxiliares e responsáveis do Agrupamento de Escolas, que indicam os percursos aos alunos, de modo a que estes sigam os percursos aconselhados, para as salas de aula, que se encontram devidamente preparadas para os receber, com a disposição das secretárias a cumprir todas as indicações dadas pelo Ministério da Educação, com cada aluno espaçado cerca de dois metros.

No caso da Escola Secundária de Coruche, são cerca de duzentos os alunos dos últimos anos do secundário, que divididos em grupos que repartem as aulas em períodos da manhã e da tarde, de modo a que exista possibilidade de realizar as acções de limpeza, para as quais os auxiliares tiveram a devida formação, ministrada por militares do exército português.

Os alunos que se deslocam de autocarro, viajam devidamente protegidos, com máscara e sentados espaçadamente, de modo a evitar possíveis contactos e pontos de contágio.

A escola preparou também a possibilidade de fornecer aos alunos um lanche, que estes podem efectuar a meio do período de aulas, devendo ainda assim os alunos evitar ao máximo as saídas da sala de aula, bem como os aglomerados entre si.

Os alunos que marcaram presença no primeiro dia de aulas da “nova vida escolar”, estavam bastante descontraídos, ainda que devidamente avisados e esclarecidos sobre os perigos derivados da pandemia da Covid-19, o que facilita claramente a vida a todos, alunos, professores, auxiliares e familiares, mas ainda assim, surgiram sempre alguns pequenos aglomerados, a que os auxiliares prontamente chamavam à atenção.

A saída da escola é feita ordenadamente, por turmas e ordem alfabética, sendo que depois os alunos apanham o transporte que os levará a casa.

No Vale do Sorraia, todas as escolas têm regras semelhantes, sendo que o primeiro dia de aulas decorreu dentro da “nova normalidade” e sem grandes sobressaltos em nenhum dos estabelecimentos de ensino de Mora, Coruche, Salvaterra de Magos, Benavente e Samora Correia.