Estado de Emergência prolonga-se até 1 de Maio

10 Abril 2020, 14:01 Não Por Redacção

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, anunciou ao inicio da tarde desta sexta-feira, 10 de Abril, que o Estado de Emergência deverá ser renovado até dia 1 de Maio, é pelo menos essa a sua intenção, que terá que ser ratificado pela Assembleia da República, que deverá votar favoravelmente a um terceiro período de emergência.

Temos de estar muito focados num combate que ainda não está totalmente ganho“, disse o Chefe do Estado que abordou ainda várias questões relacionadas com a actual pandemia de coronavírus em Portugal e recordou que já “tinha preparado os portugueses” para um grande aumento do número de infectados.

“Estamos a caminhar para meio da segunda fase” da luta contra o coronavírus, disse Marcelo, lembrando que “é por isso que o esforço desta Páscoa é tão importante”.

O terceiro estado de emergência deverá conter regras menos rígidas que o segundo, em que nos encontramos, sobretudo na altura das celebrações de Páscoa, em que estão proibidas as saídas para fora do concelho de residência, sem uma justificação válida.

Marcelo Rebelo de Sousa aclarou ainda a questão dos indultos, que vão permitir a libertação de alguns presos, essencialmente os mais velhos e cujos crimes sejam mais leves.


Fotografia: Direitos Reservados