Festival Internacional de Balonismo de Coruche apresenta o maior balão do mundo

Festival Internacional de Balonismo de Coruche apresenta o maior balão do mundo

10 Outubro 2019, 15:54 Não Por João Dinis

Coruche, volta a receber mais uma edição do Festival Internacional de Balonismo, a terceira, que decorrerá de 29 de Outubro a 3 de Novembro, e conta este ano com a aliciante apresentação do maior balão de ar quente do mundo, a voar comercialmente com passageiros. Um balão com 40 metros de altura e capacidade para 34 pessoas.

O FLUTUAR — Festival Internacional de Balonismo de Coruche, terá ainda diversas actividades, que decorrerão em paralelo e prometem trazer muita animação a Coruche, jornadas de gastronomia tradicional, feiras do livro e artesanato, uma exposição de construções com peças Lego, Street Food Fest, animação de rua e street art, insufláveis, uma caminhada, concentração e passeio de viaturas clássicas ou o já esperado espetáculo de luz e música electrónica Night Glow, bem como pela primeira vez, workshops, drones e rádio-modelismo aéreo, realizados pelo Aero Club de Portugal.

O evento deste ano será dedicado a promover a consciencialização dos visitantes para a importância da floresta de montado, que será sobrevoada pelas viagens de balão durante o festival.

A edição 2019 do Festival Internacional de Balonismo de Coruche, terá 33 balões, dos formatos mais convencionais, aos especiais, como o caso do Vincent Van Gogh, uma verdadeira obra de arte com o rosto do célebre pintor holandês, o balão Bidu, homenagem à primeira personagem do cartoonista brasileiro Maurício de Sousa ou uma Superbike de 37 metros de altura e 46 de largura.

Os voos estão planeados para as 7 horas da manhã em todos os dias do evento, com reforço de um segundo voo às 16 horas na sexta-feira, sábado e domingo.

Para o Presidente da Câmara Municipal de Coruche, Francisco Oliveira, ‘o Festival Internacional de Balonismo é um evento turístico inovador e diferenciador, que coloca em destaque a riqueza do património natural e cultural do concelho, nomeadamente a maior mancha de montado de sobro do país, o centro histórico e zona ribeirinha da vila de Coruche. Mas a sua grande vantagem competitiva reside na dinâmica económica e turística que consegue imputar durante estes dias do evento, e também no impacto que tem ao longo do ano’, concluiu.