Fio a Prumo <> A Guerra e Paz dos condomínios

9 Janeiro 2020, 22:53 Não Por Redacção

Viver num condomínio é viver sob regras?

Espaços comuns criam problemas comuns?

Tu andas 10 vezes por dia de elevador e eu só ando 2 vezes?

És batedor de portas contra o meu silêncio cuidado?

Não vais às assembleias de condóminos porque é uma grande chatice?

A luz do 5º esquerdo não acende há um mês?

O trinco automático nas dispara e tens que descer a escada?

Achas que o prédio passa bem sem ser pintado, contra a opinião dos outros?

O vizinho de cima é músico de trombone de varas e ensaia á meia-noite?

Os piquenos do 4º direito cagam “literalmente” o hall de cada vez que por lá passam?

Os sistemas de distribuição de gaz e electricidade andam completamente desafinados?

Suspiras e dizes mal de ti mesmo por ter escolhido ir “práli” viver?

Não aceitas ser administrador da “tranquitana” porque isso dá trabalho e muitos problemas?

Esta é a Guerra.

A paz, conquista-se.

Descobre lá a maneira de a conseguir.

Eu não tenho receita para tal. Não moro num condomínio…