Ministro do Ambiente afirma que o rio Sorraia está limpo de jacintos. BE diz que ministro mentiu ao Parlamento

15 Janeiro 2020, 16:37 Não Por João Dinis

O Ministro do Ambiente e da Acção Climática, João Pedro Matos Fernandes, afirmou esta terça-feira, 14 de Janeiro, que o “Sorraia está limpo”, facto que levou o Bloco de Esquerda a contestar estas declarações do ministro, acusando-o mesmo de ter mentido no parlamento.

Questionado pelo deputado socialista, Hugo Costa, eleito pelo circulo eleitoral de Santarém, aquando do debate do Orçamento de Estado 2020, sobre o plano de acção para os rios Tejo e Sorraia, o Ministro afirmou que, “estamos muito mais bem preparados para o desafios do Tejo…”, “o que aconteceu no Sorraia em termos de concentração de jacintos nunca tinha sido visto, é também uma consequência da seca”, prosseguindo que, “o Sorraia está limpo, não quer dizer que o problema esteja resolvido, estamos a trabalhar com uma universidade, a Agência Portuguesa do Ambiente, para de facto ter aqui uma solução mais perene para esse mesmo Sorraia”, concluiu.

Entretanto o Bloco de Esquerda veio já questionar a resposta do Ministro João Pedro Matos Fernandes, afirmando que este mentiu no Parlamento, convocando os jornalistas, para amanhã, 16 de Janeiro, uma visita ao rio Sorraia, para atestar o estado em que o mesmo se encontra.

Na passada semana, de acordo com o que o Notícias do Sorraia presenciou no local, encontravam-se ainda duas máquinas a efectuar a limpeza do rio, nas pontes do Rebolo e Amieira, sendo que ao longo do rio são vários os pontos que se encontram cobertos pela planta.