Salvaterra terá central fotovoltaica em 2020

31 Julho 2019, 21:41 Não Por João Dinis

Salvaterra de Magos produzirá em 2020 energia para alimentar mais de 11 mil casas anualmente, com a instalação de uma central fotovoltaica, num projecto, que ocupará 50 hectares, que foi entregue à empresa portuguesa Efacec,  em regime “chave-na-mão” (sistema integrado EPC (Engineering, Procurement and Construction) e parceiro de serviços O&M (Operations & Maintenance).

O projecto foi desenvolvido e gerido pela Exus Management Partners, uma empresa independente de investimento e gestão de activos dedicada ao sector das energias renováveis (eólica, fotovoltaica e hidroeclétrica de pequena escala). A Exus combina competências operacionais, técnicas e financeiras que garantem soluções chave-na-mão aos seus investidores.

A BlackRock Real Assets adquiriu uma participação neste parque solar da Exus Management Partners através do fundo Renewable Income Europe, numa estratégia na qual tem investido num portefólio diversificado em activos de infraestruturas de energias renováveis.

Esta central, que vai ao encontro dos objectivos definidos no programa Portugal 2020, irá contribuir para uma redução das emissões de CO2 em cerca de 12 mil toneladas por ano.

A electricidade gerada será vendida através de um Acordo para a Compra de Energia (PPA – Power Purchase Agreement) com a Axpo, uma companhia suíça com subsidiárias em toda a Europa, incluindo em Portugal, onde marca presença desde 2009. Será o segundo PPA levado a cabo pela Axpo em Portugal e o terceiro na Península Ibérica.

A Efacec desenvolve soluções para sistemas solares, incluindo autoconsumo, sistemas híbridos e parques de grande escala no regime “chave-na-mão”. A empresa posiciona-se como um dos principais players no setor energético, com cerca de 300 MW instalados em todo o mundo e 133MV sob O&M. O Parque Solar de San Pedro de Atacama é um dos projectos mais emblemáticos desenvolvidos pela Efacec neste contexto, com mais de 186 painéis fotovoltaicos, 51 inversores e uma produção eléctrica anual de 170 GWh.

Fotografia: Direitos Reservados