Segundo fim-de-semana do Mês da Enguia e da Feira de Artesanato em Salvaterra de Magos depois de uma enchente nos primeiros dias (Com Fotos)

Segundo fim-de-semana do Mês da Enguia e da Feira de Artesanato em Salvaterra de Magos depois de uma enchente nos primeiros dias (Com Fotos)

6 Março 2020, 18:26 Não Por João Dinis

Salvaterra de Magos vive até dia 31 de Março, o Mês da Enguia, decorrendo em paralelo e aos fins-de-semana a Feira de Artesanato, no Pavilhão do Inatel.

Hélder Esménio, fez um balanço muito positivo do primeiro fim-de-semana, podendo presenciar muita afluência aos restaurantes aderentes ao Mês da Enguia, como uma enchente da Feira de Artesanato, que conta com mais de oitenta expositores, de todo o país.

Este evento, é para o Presidente do Município de Salvaterra de Magos um dos que mais promove e divulga o concelho, uma vez que consegue obter a atenção de todos os órgãos de informação, como foi o caso do programa da RTP que foi realizado em Salvaterra no passado domingo.

Para este fim-de-semana, além da boa gastronomia dedicada à enguia, estão agendadas as actuações das crianças do Pré-escolar do agrupamento de escolas de Marinhais e da Associação MC Company, esta sexta-feira, a partir das 21 horas.

No sábado, 7 de Março, pelas 9 horas realizar-se-á o Torneio de Patinagem Artística na Glória, pelas 14.30 horas, Campeonato Regional de Esperanças em Canoagem, na Barragem de Magos.

No Pavilhão Desportivo Municipal realizar-se-á o XII Festidance, pelas 16 horas uma demonstração de kajukenbo, seguido do espectáculo com os Kichwas (música tradicional do Equador) e actuação do Rancho Etnográfico dos Foros de Salvaterra, tudo no Pavilhão do Inatel, a partir das 15 horas.

Pelas 22 horas, o espectáculo com Mónica Sintra encerrará o dia.

O domingo, 8 de Março, dará continuidade ao torneio de Patinagem Artística na Glória, estando também prevista a realização de um Convívio Piscatório na Barragem de Magos e um passeio de Bicicletas.

A partir das 16 horas, no Pavilhão do Inatel, o espectáculo infantil “Pocoyo”, terminando o dia com a actuação do grupo de danças “Os Lusitanos”, pelas 18 horas.